5 de julho de 2014

Triste século XXI





O texto abaixo, foi escrito por amiga especial =) quando ela me mostrou, vi uma grande vocação para escrita. Se ela vai seguir carreira, eu não sei, mas o texto é ótimo!



Vivemos em momentos onde valores estão distorcidos; ser cortês é ser “babaca” isso dito por meninas, mulheres, ou seja, homens sejam grotescos!

Ser educado não se aprende mais em casa, não vem de berço, muito menos se reforça nas escolas, hoje ser educado é uma reação a partir da ação do outro: Se for educado comigo serei contigo;
Obedecer aos pais, ouvir sua opinião está totalmente fora de cogitação, afinal eles são retrógrados, “fora de moda”.

Hoje pais e filhos sentam á frente da televisão, para assistirem juntos uma novela que destrói os valores da família, mesmo sendo o título: “Em família”; isso sem contar em programas que ensinam a sexualidade de maneira distorcida e sem qualquer senso crítico.

Fico perplexa ao ouvir de mulheres casadas o seguinte conselho: casar para quê? Viva a vida, aproveite! Erraram em suas escolhas, ou por serem más esposas e querem jogar sobre as moças solteiras suas frustrações.

Nas escolas, as meninas “populares” são as que ficam com a maior quantidade de meninos e não aqueles que são mais aplicadas e esforçadas em adquirir conhecimento; Os garotos mais populares da mesma forma são os que já estão na academia malhando e definindo os músculos, coitados dos que “malham os neurônios”.

Vejo pessoas jogando lixo no chão, mesmo quando tem ao seu lado uma lixeira disponível, depois dizem que a enchente é culpa dos governantes (concordo que cooperam quando não cuidam adequadamente do saneamento básico, coleta de lixos e outros...), mas e nossa parcela de culpa?

Pessoas adentram nos transportes públicos onde existe uma placa com a seguinte descrição: “Proibido o uso de aparelhos sonoros”. Ok! Todos entendem o recado, porém alguns colocam o fone de ouvido apenas para simbolizar o respeito, afinal o som é tão alto que é possível ouvir o péssimo gosto musical de longe, desculpem, mas os que têm bom gosto musical também sabem onde, quando e como ouvir.

Péssimos governantes?  Concordo, mas o que faço para mudar isso, ah! Claro, “troco seis por meia dúzia”. Por que não testamos governantes novos de partido novos, porque temos que permanecer entre PT e PSDB?

Antes de escolher  quem irá votar, entenda a ideologia do partido, quais são suas alianças políticas, qual é o seu histórico político e se possível pessoal. Antes de votar em quem lhe favorece, pense coletivamente, não seja egoísta nem imediatista. Valorize gestos de gentileza e reproduza.

Faça valer a pena cada minuto que ficar perto de seu filho, de seu irmão, seus pais, seus amigos, não os compre, os conquiste. Conquiste sua admiração seu respeito, seu carinho, sua atenção.

Mulheres sejam sabias, conquistamos sim nosso espaço, mas que não percamos nossa feminilidade, nossas manhas, nossos charmes, ainda tem homem que curte e valoriza isso.
Enfim, sejamos seres humanos comprometidos, responsáveis, com falhas, mas que estas, não sejam previsíveis, nem planejadas e possíveis de serem corrigidas.

Sejamos de fato HUMANOS!
Humanos que temem a Deus!

A vida é uma eterna plantação onde a regra é clara, colho a semente que plantei. Voltar atrás já não é possível, refazer o presente pensando no futuro é possível e necessário.
Acima de tudo, vejo que o grande problema da nossa situação começa em quem estamos crendo, em quem estamos adorando, para quem estamos pedindo orientação. O histórico das nações que foram destruídas vem seguido de desobediência e desordem. Parece que queremos o mesmo fim.

Como é feliz a nação que tem o Senhor como Deus, o povo que ele escolheu para lhe pertencer! (Salmos 33:12)

Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida. (João 3:16)

Buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça e todas as coisas vos serão acrescentadas. Mateus 6. 33

Quando se teme a Deus, tudo se torna mais leve, as atitudes boas aparecem naturalmente, pois é impossível conhecer a Deus e continuar da mesma forma.




Carléia de Sousa, solteira, 34 anos,  psicologa. Mineira, reside em São Paulo há 6 anos.

P/S: Minha amiga =)

1 comentários:

Maaary Cruz disse...

Arrebentou Cá!
Fico feliz em trabalhar ao lado de pessoas tão maravilhosas e inteligentes.
Parabéns Érica, seu blog está ficando mais rico a cada dia que passa!

 

Primeiro Livro © 2012 - Todos os Direitos Reservados. Amanda Cristina